fbpx
Como utilizar a Técnica A.I.D.A. para maximizar o seu marketing e suas vendas

Como utilizar a Técnica A.I.D.A. para maximizar o seu marketing e suas vendas

IMAGEM ILUSTRATIVA

IMAGEM ILUSTRATIVA

A sigla AIDA é um acrônimo para Atenção, Interesse, Desejo e Ação. Essa técnica do marketing se baseia no comportamento do lead durante a jornada de compra. Mas não somente isso, a ideia desse método é direcionar o cliente pelo funil de vendas de forma direcional, a fim de diminuir o ciclo. 

A AIDA foi criada em 1899 pelo defensor da publicidade norte-americana, Elias St. Elmo Lewis. O pioneiro em vendas acreditava que através do potencial da propaganda conseguiria educar o público no processo de compra. 

Lewis levava em consideração que antes de alguém se tornar um cliente, precisava antes ter sua atenção despertada, ser orientado sobre o produto que desejava, para só então, realmente, se tornar um consumidor. Processo que é seguido até os dias atuais.

O que define cada etapa da AIDA?

Cada etapa do processo da AIDA tem suas definições:

Atenção (Attention): o início do processo é definido por buscar a atenção do futuro comprador no momento em que ele entra em contato com a marca/produto/serviço. 

É preciso que a estratégia seja feita buscando despertar a curiosidade do público alvo da empresa. Isso porque há diversos concorrentes que também disputam a atenção do comprador e é preciso ser assertivo.

Para o marketing digital criar campanhas, sites, landing page, fotos e vídeos atrativos pode melhorar a performance da empresa nas redes e plataformas. 

As estratégias usadas são:

  • SEO;
  • anúncios;
  • redes sociais;
  • marketing de conteúdo.

Interesse (Interest): uma vez que a atenção do futuro cliente é alcançada, é preciso provocar o interesse dele na oferta da empresa. Neste ponto, podemos levar em consideração que o lead está no processo do funil de vendas.

A fim de instruí-lo e educá-lo sobre a marca/produto/serviço, é preciso criar ações que aumentem o interesse que a empresa oferece. Usando o método de instrução, pode-se criar automações de e-mail marketing, envio de e-book, contato por mensagem ou telefônico, qualquer estratégia para mostrar ao cliente que o seu comercial está disponível é válida.

Desejo (Desire): neste ponto do processo, o lead compreendeu o que a empresa oferece e está interessado. Porém, ele também pode estar em contato com mais empresas que oferecem o mesmo produto. 

Desperte ainda mais o desejo do lead não somente pelo que a empresa oferece, mas exclusivamente pela empresa. Garanta que ele compreenda os benefícios em fechar negócio, comprovando os benefícios adquiridos com a compra. Utilize cases de sucesso, dados e depoimentos se necessário. 

Ação (Action): e por fim, a ação. Alguns clientes demandam que o comercial da empresa dê um empurrãozinho para a compra de fato acontecer. Às vezes um desconto, garantia, brindes ou testes, dependendo do produto. 

Outro método é utilizar gatilhos mentais para incentivar o futuro cliente, como: “restam X dias” ou ainda “restam somente X unidades”. O senso de urgência faz com que o lead tome uma decisão mais rápido. 

Funil de vendas

O funil de vendas é uma metodologia definida por etapas na qual o usuário passa, até se tornar um lead, e consequentemente um cliente. É o processo que o cliente passa durante a estratégia AIDA.

Um funil é caracterizado por ter um topo maior, e no decorrer, ele fica estreito. É justamente o que acontece com o processo de vendas. Apesar das empresas segmentarem um funil de acordo com o perfil ideal de cliente, nem sempre ele precisa do produto naquele momento. 

Por isso é tão importante criar ações para provocar o interesse e desejo do cliente. O método AIDA está atrelado às estratégias de Inbound e Outbound Marketing. Isso porque, além de atrair o cliente como o Inbound, a empresa pode ter de ir atrás do lead para fechar negócio, como o Outbound.

Leia também: Como o Inbound e o Outbound tem crescido com o Marketing Digital

Como é dividido o funil de vendas?

O funil de vendas é dividido em três etapas, o topo, o meio e o fundo. Nesse processo, os usuários que não se enquadram no perfil de cliente, acabam saindo do funil. Como um funil, a parte de cima capta os clientes de forma ampla, mas filtra no processo, vamos exemplificar:

Topo do funil: é o primeiro contato, e assim como a AIDA, utiliza a atenção para atrair os potenciais clientes. É preciso que a campanha, site, fotos, vídeos e landing page sejam atrativas, claras e objetivas para cativar o cliente. 

É também o momento de descoberta e aprendizado. E também é o momento de despertar o interesse do lead, fazendo com que ele entenda que tem uma dor que precisa ser solucionada e começa a levar em consideração a conclusão da compra. 

O time de vendas precisa estar atento a qualquer lead qualquer lead que aparecer, para que tire dúvidas caso seja necessário e não percam o cliente. É aqui que os gatilhos e interesse são despertados. 

Meio do funil: é o momento de educar o lead sobre o produto/serviço/marca, e que ele começa a entender o processo e a averiguar a possibilidade de solucionar o seu problema com a oferta da empresa.

É o ponto no qual a AIDA aponta como o desejo. Pois há concorrência e a empresa precisa mostrar que a solução que oferece é melhor do que o concorrente. Neste local do funil vale a pena uma prospecção ativa, pois os leads que chegam até aqui realmente tem interesse no produto que é oferecido.

Fundo do funil: é o momento da ação do AIDA, no qual o cliente está prestes a concluir a compra. E é necessário, neste momento, alguma negociação em alguns casos. Tenha materiais que mostrem ao cliente os benefícios de fechar com a empresa.

Uma das coisas que mais trazem segurança para um cliente em um ambiente online de compra é a avaliação. Seja através de nota, comentários e reviews do produto ou serviço prestado para atestar a qualidade. São quando se tornam, de fato, clientes.

Na metodologia AIDA, a atenção e o interesse se enquadram no topo do funil, o desejo no meio e ação no fundo.

Modelo do funil de vendas / funil de compras

Modelo do funil de vendas / funil de compras

Como aplicar o modelo AIDA nas vendas

Para aplicar o método AIDA nas vendas da sua empresa é preciso:

  • conhecer o perfil do cliente (ICP), suas necessidades e interesses;
  • saber vender o produto da empresa, destacando as vantagens e os diferenciais;
  • priorize conteúdos relevantes ;
  • personalize a comunicação;
  • entregar gatilhos assertivos no processo de compra;
  • saber exaltar os motivos pelos quais o cliente deve escolher sua empresa;
  • aplicar ferramentas para otimizar o processo de compra para não perder leads;
  • utilize CRM para acompanhar o pipeline de vendas.

Entenda de fato quem é o seu cliente ideal:

  • idade;
  • gênero;
  • desejos;
  • necessidades;
  • desafios;
  • sonhos;
  • problemas.

Aplique a AIDA em plataformas que o público ideal da empresa utiliza com mais veemência, no geral, é comum utilizarem:

  • anúncios pagos;
  • redes sociais;
  • blogs;
  • e-mail marketing;
  • SMS;
  • WhatsApp.

Durante o processo de interesse no topo do funil, traga conteúdos exclusivos para despertar o desejo e levar o lead ao meio do funil de vendas, com:

  • e-books;
  • webinars;
  • landing page;
  • planilhas;
  • depoimentos
  • testes grátis.

A automação é uma grande aliada no método AIDA, é importante usar ferramentas como:

  • segmentar clientes;
  • criar fluxos automáticos;
  • qualificar os leads;
  • identificar as melhores oportunidades;
  • encaminhar leads para o setor comercial com rapidez.

Com o uso do CRM é possível avaliar com assertividade os dados produzidos durante o processo do funil de vendas, como:

  • maior produtividade;
  • controle sobre os processos de vendas;
  • integração no processo;
  • acesso a relatórios com dados para traçar estratégias.

O modelo AIDA é aplicado nos cinemas

blank

Como o ponto chave para o método AIDA é primeiramente despertar a atenção do cliente, o cinema utiliza isso da melhor forma possível. No mundo das telonas, as produções lançam teasers, outdoors, trailers e propagandas para atrair o público meses antes do lançamento do filme. 

Quanto mais próximo a estreia fica, mais materiais vão sendo liberados nas redes sociais, televisão, rádios e em espaços públicos, atiçando o desejo do consumidor de ir até o cinema rapidamente quando o filme for lançado.

É uma forma de persuadir o público a consumir um produto, mas diferente da internet, o apelo tem de ser mais constante para fazer com que o cliente saia de sua casa para ir até o cinema ver um filme por conta da divulgação. 

A técnica AIDA tem muito o que acrescentar em diversos nichos do mercado. Basta saber coletar informações, criar o perfil de cliente ideal, e traçar estratégias para atingir esse público de forma assertiva, utilizando métodos como o inbound marketing.

Recomende o conteúdo

blankQuem Somos

Agência de marketing digital localizada na zona sul de São Paulo com mais de 11 anos de experiência em soluções digitais para pequenas empresas.

Somos uma agência de performance, nossas ações são guiadas por dados e com foco em um objetivo.

A nossa missão é empoderar você e facilitar sua tomada de decisões para que você possa ir tão longe quanto a sua imaginação e ousadia permitirem.

Além dos Serviços de Marketing Digital, nós desenvolvemos Ferramentas e Produtos para o mercado.

 

Sobre Nós

Top

latest android games

|

popular android games