fbpx
A importância do funil de vendas para traçar objetivos maiores

A importância do funil de vendas para traçar objetivos maiores

Ter crescimento de vendas é o objetivo de toda empresa, e com a estratégia do funil de vendas isso é viável

Obter resultados significativos dedicando menos tempo e esforço contínuo é possível. Ter estratégias que tragam resultados sem precisar se preocupar o tempo inteiro existe. Este é o funil de vendas.

Esse método utilizado pelo marketing digital ajuda a impulsionar o crescimento da receita das empresas. Isso porque, o funil de vendas trata-se de uma estratégia para atrair os potenciais clientes no decorrer do processo de compra. 

Quanto mais claro for o entendimento sobre o método, mais assertivo ele será e trará os resultados projetados pela empresa. Com a atração de novos clientes potenciais, ou como conhecemos no marketing digital, os leads. 

O que é um funil de vendas?

O funil de vendas, ou em outros casos, funil de compras, é o nome dado ao processo do consumidor desde a primeira interação com o produto ou serviço, até a conclusão da compra. 

Essa estratégia é dividida em três etapas, o topo do funil é o mais amplo, e tem como objetivo atrair o maior número de leads para o próximo estágio. Nesse processo, os usuários que não se enquadram no perfil de cliente, acabam saindo do funil.

Cada empresa tem o seu perfil de cliente ideal, o que chamamos de ICP. E criam gatilhos que atraem esse público específico. Logo, quando alguém entra em contato com a empresa e não se enquadra, simplesmente não prossegue no processo de conclusão de compra.

Como um funil, a parte de cima é maior, na qual os clientes são captados de forma ampla. E no decorrer do processo de venda, somente ficam os que de fato possuem interesse em concluir a compra. 

O funil de vendas é dividido em três etapas: o topo, o meio e o fundo. Porém, o topo é dividido em duas partes que definem se o usuário é ou não um cliente ideal. Vamos exemplificar:

Topo do funil: é quando o consumidor tem o primeiro contato com o anúncio/site/rede social da empresa. Por esse motivo, é bom que as informações sobre o produto ou serviço que a empresa oferece seja claro, para que haja identificação. 

Essa etapa é muito importante porque nem sempre o usuário está interessado em comprar algo, mas é atraído através do marketing que a empresa oferece para chamar a atenção dele. Esse estágio é o que chamamos de aprendizado e descoberta.

Esse contato com a empresa pode vir através de pesquisas no Google, compartilhamento em redes sociais, ou até mesmo um anúncio fora das mídias sociais. Garantir que o cliente se interesse é primordial. 

Pois, a partir de então, ele passa a avaliar se de fato não precisa do produto ou serviço que a empresa oferece, analisa os pontos, e se reconhece que tem um problema e precisa resolver com aquilo, ele prossegue no funil. É quando o usuário passa a ser um lead, cliente em potencial. 

Nesse ponto, é preciso que o time de vendas, através de gatilhos criados para gerar interesse ao cliente, procure entender o que estão procurando. Mas é importante que essa etapa seja estratégica. 

Isto é, que a empresa eduque o lead sobre o que oferece, a importância que tem, e o quanto faria a diferença para ele. De formas sutis, para gerar interesse de compra, e não empurrar algo ao cliente. 

Meio do funil: os leads que passam para o meio do funil procuram entender o que está sendo oferecido, passam a considerar uma solução. Quando mais leads passarem para esse estágio, quer dizer que mais pessoas tiveram a atenção voltada para o que a empresa oferece. 

Geralmente, os clientes que chegam a esse estágio tem interesse em concluir a compra. Porém, há concorrência, na qual ele pode comparar antes de de fato decidir o que fazer. Neste ponto, ter um time de vendas capacitado é importante.

Quanto mais pessoas se identificam com a empresa, a atenção e a solução que ela oferece, mais chances há das vendas serem concluídas com sucesso. E o melhor, tendo fidelização de clientes devido a boa experiência.

Fundo do funil: é o momento em que o cliente quer concluir a compra, porém ainda avalia valores e benefícios que outras empresas oferecem e qualidade do produto/serviço e atendimento. Neste ponto, ter diferentes estratégias é interessante.

Há clientes que precisam de suporte, às vezes para explicar algo, ou então, somente para se sentir seguro em efetuar a compra. Ter nesse estágio um material que demonstre ao lead a experiência de outros consumidores é crucial.

Pois uma das coisas que mais trazem segurança para um cliente em um ambiente online de compra é a avaliação. Seja através de nota, comentários e reviews do produto ou serviço prestado para atestar a qualidade. São quando se tornam, de fato, clientes.

Uma demonstração ilustrativa do funil de vendas:

blank

Como melhorar o funil de vendas?

Conhecer o perfil do cliente é mais do necessário para a criação de um funil de vendas efetivo e prático. Tendo as adequações necessárias, a empresa perde menos tempo com usuários que não têm nenhum interesse em usufruir do que a marca oferece.

Conheça o perfil do cliente: conhecer o perfil do cliente é essencial para otimizar o funil de vendas. Quanto mais informações sobre o usuário se obter, mais fácil será compreender o que ele espera da empresa e como oferecer o produto. 

Imagine que o seu funil de vendas está segmentando perfis errados, dificilmente terá algum resultado. Quando há erro na captação, todo o resto simplesmente não funciona. E com isso, a empresa perde tempo, energia e dinheiro.

Tenha como primeiro plano criar o perfil ideal do cliente, o ICP. Verifique qual o nicho de público que sua empresa oferece serviços e foque em conquistar esses clientes potenciais. Outro ponto importante é avaliar os concorrentes e adequar técnicas que estão funcionando para eles.

Conteúdo educativo: como falamos anteriormente, educar o cliente potencial é crucial. Entenda como educar o fato de oferecer soluções para o que o usuário procura. Seja e-books, banners ou até mesmo e-mails que expliquem melhor com o que e como a empresa atua. 

Uma das formas de atrair o público correto, e até mesmo direcionado para os conteúdos sobre a empresa, é o uso de palavras-chave. Nem sempre o usuário conhece a empresa, e por meio de palavras-chave, acabam encontrando o que procura.

Por esse motivo, dedicar tempo a conhecer o público-alvo da empresa e quais as palavras que chamam a atenção dele, é extremamente importante. É o que trará resultados significativos para alcançar os objetivos de vendas.

Tenha contato com o cliente: quando o usuário passa a ter interesse no que a empresa oferece, o chamamos de lead. E neste ponto, é necessário que a empresa crie uma estratégia de obter o contato desse possível cliente. 

Isso porque, é através disso que a empresa conseguirá encontrar em contato para oferecer seus serviços ou produtos. Seja a captação de e-mail ou telefone, ter uma forma de entrar em contato é um passo importante. 

Divulgação em mídias sociais: quando o cliente procura por serviços que a empresa oferece, e clica no site ou anúncio, o Google entende o interesse do cliente e passa a mostrar nas redes sociais do usuário anúncios sobre a pesquisa, é o que chamamos de algoritmo.

Outra forma é investir em divulgação, campanhas e anúncios. Com fotos chamativas, textos persuasivos e preços atraentes. O Google é a melhor plataforma para investir em divulgação, pois oferece uma rede de displays que anunciam também o que a empresa quer.

Invista em feedbacks: ter clientes falando bem do que a empresa oferece é fundamental como histórico de sucesso. Muitas pessoas buscam saber a opinião de quem já teve contato com os serviços da empresa antes de comprar alguma coisa. 

Após a conclusão da venda, invista em saber a satisfação do cliente. Seja por mensagem, ligação ou até mesmo formulário por e-mail. Dedique um espaço em seu site ou página nas redes sociais para expor o sucesso que a empresa tem tido com a prestação de serviços. 

O pós-venda é tão importante quanto o pré: muitas empresas falham neste ponto, é mais simples convencer um cliente a comprar do que mantê-lo fidelizado. Isso porque, há negócios que visam somente o lucro, e não a satisfação do cliente. 

É preciso entender que o sucesso de um funil de vendas também vem de forma orgânica. De clientes que já compraram e também indicam a empresa. É preciso investir em pós-venda que funcionem e estejam à disposição do cliente. 

Ter sucesso em vendas é prever e saber que erros serão cometidos e que precisarão ser resolvidos. E buscar, antes mesmo de acontecer, formas de lidar com esses problemas. Realmente se colocar no lugar do cliente e entender os pontos que ele levanta como queixa e resolvê-los.

Esteja à disposição: seja no pré, durante ou pós-venda, estar a disposição do cliente é crucial para dar confiança no trabalho que a empresa está oferecendo. Entendemos que muitas pessoas precisam de suporte, e ter esse ponto é um diferencial.

Quando todos esses pontos são alinhados, a empresa passa a ter mais chances de conquistar lugares maiores no meio digital. O importante é compreender, de fato, que não é somente o lucro que importa, e sim a satisfação do cliente com a empresa.

O sucesso se mede pelo tempo que se dedica para as coisas acontecerem, se há muito esforço em dedicar o melhor serviço aos clientes, isso será recompensado de forma natural e orgânica. Esforço e dedicação para compreender o público da empresa é a chave para alcançar objetivos maiores. 

Recomende o conteúdo

blankQuem Somos

Agência de marketing digital localizada na zona sul de São Paulo com mais de 11 anos de experiência em soluções digitais para pequenas empresas.

Somos uma agência de performance, nossas ações são guiadas por dados e com foco em um objetivo.

A nossa missão é empoderar você e facilitar sua tomada de decisões para que você possa ir tão longe quanto a sua imaginação e ousadia permitirem.

Além dos Serviços de Marketing Digital, nós desenvolvemos Ferramentas e Produtos para o mercado.

 

Sobre Nós

Top

latest android games

|

popular android games