fbpx

No cenário pós-pandêmico, dados apontam aumento de plataforma corporativa de vendas

blank

Em um mundo altamente conectado, gerar experiência de compra de forma rápida, simples e fácil tornou- se uma necessidade para as empresas. A pandemia acelerou o processo de transformação digital, inclusive para a indústria e distribuidores, que passaram a investir mais em plataformas digitais de venda. Diante desta realidade, o estudo da Grand View Research prevê que o mercado global de e-commerce B2B (business to business) tenha um crescimento anual de 19,7%, de 2022 a 2030. Em 2021, ainda segundo a pesquisa, este mercado atingiu o valor de USD 6,883.47 bilhões no mundo.

Os números vão ao encontro do perfil do consumidor no cenário pós-pandêmico, que registrou o fechamento de lojas físicas e o aumento do número de pedidos on-line, impactando positivamente as perspectivas de negócios B2B e criando oportunidades para o crescimento deste mercado. Neste contexto, a internet surgiu como uma ferramenta poderosa para conectar vendedores e compradores de forma mais eficiente em um período de baixa atividade econômica.

É neste cenário pós-pandêmico que o e-commerce B2B promove um canal rápido, acessível, atemporal e de autoatendimento para os negócios. “A necessidade de estar mais próximo desse segmento de clientes é fundamental para entregar melhores soluções. Estas plataformas ainda permitem a modernização das relações com os clientes, promovendo métodos mais ágeis de interação, além de expandir fronteiras para que clientes de todo o Brasil tenham acesso aos serviços e produtos das empresas”, destaca Cassio Weber, gerente de e-commerce do Grupo Herval, criadora da iPlace Corporativo, que seguindo esta tendência de mercado lançou uma plataforma de e-commerce voltada ao universo corporativo.

Para eles e muitas outras organizações, a pandemia acelerou o processo de transformação digital. “Conforme as fases da digitalização foram avançando, a necessidade do B2B se consolidou”, exemplifica Cassio. O especialista ainda explica que, diante da digitalização do mundo, a tomada de decisão nas empresas está cada vez demandando mais agilidade dos gestores.

Neste cenário, o e-commerce B2B alia rapidez com tecnologia e se propõe a atender desde pequenos até grandes volumes, com a possibilidade de condições diferenciadas. “Muitas vezes o meio digital é a porta de entrada para grandes aquisições, pois acelera o processo de reconhecimento da necessidade de cada empresa. Ele pode não ser exclusivamente a via de aquisição, mas participa para que etapas de negociação e personalização da oferta possam ser otimizadas, o que contribui para o resultado e a performance das empresas”, aponta Cassio.

Plataformas oferecem benefícios para empresas

De acordo com o Relatório de Evolução do Comércio Eletrônico entre Empresas (B2B) de 2021, lançado pela Amazon Business, 85% dos compradores de empresas afirmaram que, com a pandemia, cresceu a participação das organizações no meio digital; enquanto 91% dos profissionais explicaram que preferem compras no meio eletrônico aos métodos offline.

Para o gerente de e-commerce do Grupo Herval, essa preferência pode ser atrelada aos benefícios que esta plataforma corporativa oferece. Ele explica que, além de otimizar o tempo de compra das empresas e ampliar a atuação das marcas, o e-commerce corporativo também oferece vantagens exclusivas aos clientes, com suporte e apoio especializado na aquisição de produtos e serviços de maneira ágil e acessível em qualquer lugar, permitindo mais autonomia, sem perder a solução personalizada. “As plataformas oferecem a possibilidade de, ao longo do tempo, agregar ainda mais serviços e soluções, permitindo que as empresas deem suporte mais rápido, com condições especiais e para uma parcela ainda maior de empresas, sem perder a qualidade”, contextualiza Cassio.

Futuro do e-commerce B2B

Até 2025, 80% das vendas B2B ocorrerão no meio digital – é o que prevê o Whitepaper “The Ultimate B2B E-commerce Guide: Tradition is out. Digital is in” da DHL Express, divulgado em 2021. Segundo Cassio, o crescimento do e-commerce B2B acontecerá porque as experiências positivas do mercado B2C levarão as pessoas dentro das empresas a confiarem mais nos processos on-line de instituições estruturadas. “Além disso, a pressão pela digitalização nos negócios, com a premissa de se buscar maior produtividade, é um atributo importante, que de fato proporciona melhores resultados para todos, sejam compradores ou fornecedores”, explica.

O especialista ainda aponta que outro aspecto favorável importante é o contexto geográfico brasileiro, já que o e-commerce B2B, através da oportunidade de acesso on-line cada vez maior da população, faz com que regiões distantes possam também acessar produtos e serviços que tradicionalmente estão mais próximos e são mais comuns nos grandes centros. “Nessa relação todos ganham e isso certamente proporciona o crescimento do on-line. Além disso, é preciso considerar que estamos com novas gerações entrando no mercado e que a digitalização já é parte fundamental do processo de trabalho”, conclui Cassio.

 

https://valor.globo.com/patrocinado/dino/noticia/2022/05/04/estudo-preve-crescimento-do-e-commerce-b2b-em-quase-20-para-2022.ghtml

Segundo pesquisa realizada pela empresa Warc Data, inversão de capitais em propagandas no online devem prevalecer sobre outros meios de comunicação neste ano; para especialista, utilização de estratégias de marketing digital podem trazer maior assertividade para tal investimento

Com digitalização caminhando a passos largos no meio corporativo, com 93% das pequenas e médias empresas brasileiras tendo avançado seus processos de transformação digital, segundo o estudo “Impacto da Covid-19 na cultura e operação das PMEs brasileiras“, encomendado pela Microsoft para a agência de comunicação Edelman, o investimento em publicidade nos meios digitais e o consequente impulsionamento do marketing focando em plataformas online ganham força no país. 

O movimento, potencializado nos últimos anos com as mudanças no ambiente laboral proporcionadas pela grave crise sanitária que atinge todo o planeta desde o início de 2020, tende a estimular o aperfeiçoamento de soluções tecnológicas nestas companhias, dando um salto qualitativo no processo de digitalização das mesmas.

Os dados coletados pela pesquisa da Edelman mostram também que 97% das PMEs consideram importante incluir tecnologia no modelo de trabalho de forma permanente. Além disso, 40% dos entrevistados ressaltaram a necessidade de investimento no aprimoramento de soluções tecnológicas. Tal diagnóstico vai ao encontro de indicativos aferidos por uma análise recente do BCG (Boston Consulting Group), que revelou que apenas 30% das empresas conseguem realizar a transformação digital de maneira eficiente. 

Neste sentido, é sintomática a estimativa de que 60% dos investimentos em publicidade em 2022, realizada pela empresa Warc Data, sejam destinados a mídias digitais – uma tendência que, ao mesmo tempo que revela a força do on-line no mercado de marketing, enseja uma maior organização das estruturas digitais destas empresas. 

Para Cleverson de Almeida, especialista e estrategista em marketing digital, a inversão de capitais em publicidade no meio digital deve ser cada vez maior nos próximos anos, ainda que outros canais, como TV, rádio, revistas e jornais, mantenham-se relevantes e com um público – potenciais consumidores – fidelizado. 

“Vejo que algumas empresas ainda vão manter seus investimentos com anúncio em TV e rádio, mas irá ocorrer um aumento, sim, em publicidade destinado às mídias digitais, pois as pessoas notaram a praticidade e comodidade de efetuar compra pela internet”, afirma o profissional, citando da GoAd Media que indica que o e-commerce responder por 24,5% do varejo global em 2025. “Será uma tendência, pois, no meio digital, você pode comprar de qualquer lugar, além de ter todas as marcas e modelos que você deseja em um só lugar.”

Outras tendências do marketing digital

O especialista em marketing digital avalia que o crescimento global do investimento em publicidade em meios digitais está atrelado à emergência de novas ferramentas tecnológicas, como o metaverso, que, segundo estimativa da Bloomberg Intelligence, deve movimentar cerca de US$ 800 bilhões (R$ 4,1 trilhões) até 2024. 

Além disso, pontua Almeida, a utilização mais assertiva destes recursos em publicidade e, de forma mais ampla, no marketing digital, também passa pelo chamado “growth hacking” (“exploração do crescimento”, em tradução livre), que consiste na adoção de estratégias de marketing que visem o crescimento significativo e acelerado do negócio a partir da identificação de seus pontos críticos.

“O growth hacking, ou marketing de crescimento, é uma metodologia muito boa para adquirir mais clientes e, com isso, mais vendas, melhorando a experiência do usuário e focando esforços onde realmente serão trazidos resultados exponenciais para a empresa em um curto período”, diz. “Os profissionais de marketing de crescimento são profissionais orientados por dados que trabalham incansavelmente para encontrar maneiras inovadoras de impulsionar a aquisição de usuários, manter os clientes engajados, retê-los e, finalmente, transformá-los em campeões da marca”.

https://www.folhavitoria.com.br/geral/noticia/05/2022/midias-digitais-devem-concentrar-60-do-investimento-em-publicidade-em-2022

No dia Mundial da Língua Portuguesa, veja como as abreviações criadas pelos adolescentes transformam o português

Ss, Vz, CP, não conhece essas expressões? Abreviações são usadas com frequência por jovens e adolescentes nas redes sociais, principalmente nos aplicativos de conversa. Neste Dia Mundial da Língua Portuguesa (5 de maio), esta forma de comunicação ilustra as mudanças que ocorrem na língua com o passar dos anos.

As siglas usadas nas conversas priorizam as consoantes e a maioria vem de redução de gírias. Ss (sim), vz (pegar a visão) e cp (se pá) surgiram, na opinião da professora de Linguagens e suas Tecnologias no Ensino Médio Técnico do Senac SP, Raquel Faustino, “como uma forma de comunicação entre os mais jovens, justamente para que os pais não entendem o que está sendo dito, um jeito deles se identificarem com um grupo.”

Essa maneira de conversar também faz parte do processo de transformação da língua. “O que chama a atenção é que está ocorrendo muito rápido porque segue a velocidade das mudanças na tecnologia”, diz. “Toda nova ferramenta tecnológica altera a forma de comunicação, isso ocorreu com o telégrafo, por exemplo, que exigiu o uso de abreviações também.”

“Se pegarmos um texto de Camões também teremos dificuldade para entender porque a língua está em constante processo de mudança e essa é a beleza: entender a língua portuguesa como um conjunto, de ter variedade tanto na linguagem formal quanto informal.”

Mas para os pais e professores que não conseguem acompanhar essas conversas nas redes sociais, qual a dica? Vale fazer um glossário? “O melhor caminho é perguntar e abrir o canal de diálogo, e entender que, em alguns anos, provavelmente, esses adolescentes também estarão questionando as mudanças na língua.”

https://noticias.r7.com/educacao/ss-vz-cp-conhece-a-linguagem-usada-nas-redes-sociais-05052022

Saiba mais detalhes para que a sua empresa obtenha excelentes resultados

Trabalhar a divulgação da sua marca pode não ser algo tão simples. Porém, com conhecimento e técnica você pode obter excelentes resultados. Sendo assim, entenda um pouco mais sobre os anúncios online e supere suas expectativas.

Onde os anúncios online são vinculados?

Hoje em dia a internet se tornou o maior shopping center de produtos e serviços do mundo. Afinal, sua abrangência é ilimitada e o número de pessoas impactadas diariamente é incalculável.

Portanto, com todas estas possibilidades, se souber como estudar e direcioná-las, podem trazer um grande retorno para os empreendedores. Aliás, pode ocorrer por meio de ações comerciais ou publicidade e propaganda.

Na internet, como dito, as possibilidades são bem grandes. Dessa forma, é possível impactar pessoas através de anúncios, interações com conteúdo de valor ou simplesmente tendo uma rede social ativa.

blank

Quais são as melhores estratégias para vincular anúncios?

Em primeiro lugar, se o anúncio for pago, neste caso, você deve se preocupar com o texto. Afinal de contas, ele deve causar um bom impacto imediato. Isto é, prender a atenção nos primeiros 3 segundos de exibição. Mas por qual razão, esta duração tão específica? Bom, este é o tempo comprovado que uma pessoa leva para decidir se assiste até o fim ou não determinado vídeo.

Além disso, os anúncios online devem ser claro, sucinto e direcionar o espectador para uma ação. Dessa forma, se ela deseja ela comprar o produto ou simplesmente se cadastrar em algum portal ou site.

Por fim, com a estratégia feita de maneira correta, o seu conteúdo pode aparecer como um dos primeiros resultados de buscas na internet. Contudo, para isso é preciso conhecer as técnicas de SEO e ranqueamento no Google.

Como produzir conteúdo de qualidade?

Umas das maneiras mais utilizadas, e com bons retornos para alavancar a divulgação de empresas e serviços é através de redes sociais.

Para que seja efetivo esta abordagem, é preciso:

  • Constância;
  • Conteúdo relevante;
  • Conexão com audiência;
  • Conteúdo diversificado;
  • Formatos adequados.

Constância: Para que seu anúncio nas redes sociais tenha resultados, é importante que o trabalho seja diário. Ou seja, invista em conteúdos que possam agradar o público ali presente.

Conteúdo relevante: As pessoas consomem conteúdo que agreguem conhecimento ou que as entretenha. Por isso, é importante entender o seu público. Mesmo nas redes sociais, é interessante fazer textos, imagens, vídeos que se sobressaem dentre os demais.

Conexão com a audiência: Mais uma vez, para poder ter resultados com suas redes sociais, é preciso conhecer quem está ali do outro lado, seus gostos e suas preferências. Desta forma, uma estratégia é fazer uma persona, que reunirá todos estes atributos.

Conteúdo diversificado: Não é porque sua rede é de um nicho específico que você posta, todos os dias, as mesmas coisas. Para isso, é preciso criatividade para produzir conteúdos que se relacionam ou não com seu tema principal. Ou seja, o importante é não cair na mesmice.

Formato adequado: Para quem produz conteúdo para redes sociais, deve se atentar ao fato, que cada rede tem uma melhor aceitação de formatos diferentes. Portanto, entenda qual sua melhor abordagem. Sendo assim, elabore dentro do formato adequado.

Como alavancar os anúncios online

Para escolher onde vincular seus anúncios é preciso entender onde seu cliente está. Dessa forma, faça um estudo detalhado do tipo de persona que consome seus produtos e serviços. Então, é preciso pensar como seu público. Ou seja, quais são os sites que mais acessam, qual formato de conteúdo mais consomem.

Portanto, com estas informações e um mapa detalhado de quem é teu público, fica mais fácil direcionar seus esforços para o maior número de pessoas possíveis.

Google

Este é o maior site de buscas do mundo. Sendo assim, para ter sucesso com os anúncios nesta rede sem precisar pagar, é preciso trabalhar as técnicas de rankeamento SEO. Além disso, investir na produção de conteúdo relevante. Para isso, saber o uso correto das palavras-chave é fundamental para ficar na primeira página nas buscas.

Facebook e Instagram

Redes sociais de conexão. Aliás, são excelentes oportunidades de impactar diversos grupos de pessoas. Aqui, você pode trabalhar com anúncios bem elaborados. Além disso, pode optar por crescimento orgânico ou pagar por anúncios. De qualquer forma, investir em produção de conteúdo nos vários formatos que as redes disponibilizam é uma ótima estratégia.

YouTube e TikTok

Redes de entretenimento em vídeo com boa visibilidade para anúncios. O YouTube e TikTok reúnem pessoas que buscam vídeos curtos, mas informativos. Portanto, os anúncios devem seguir esta regra. Além disso, é possível pagá-los para aparecer durante outros vídeos.

Bom, agora que conhece as principais formas de propagar os anúncios online, é hora de colocar a mão na massa. Sendo assim, escolha sua rede, seu formato e boa sorte com os anúncios da sua empresa.

https://noticiasconcursos.com.br/como-os-anuncios-online-podem-alavancar-sua-empresa/

Instabilidade no serviço Pix acontece pelo segundo dia consecutivo; entenda

O Nubank está fora do ar nesta sexta-feira (6). Segundo relato de clientes no Twitter, o serviço Pix está apresentando uma demora para concluir transações novamente, após ter ficado instável na tarde da última quinta-feira. O Downdetector registrou um pico de 64 notificações às 10h36 (horário de Brasília). Nubank está fora do ar nesta sexta-feira (6). Segundo relato de clientes no Twitter, o serviço Pix está apresentando uma demora para concluir transações novamente, após ter ficado instável na tarde da última quinta-feira. O Downdetector registrou um pico de 64 notificações às 10h36 (horário de Brasília).

O TechTudo entrou em contato com a assessoria do Nubank, que enviou o seguinte posicionamento oficial: “Lamentamos as oscilações identificadas por uma parcela de nossos clientes no serviço de Pix na manhã de hoje (06/05). Informamos que os times estão trabalhando para normalizar o mais rápido possível”.

As notificações relacionadas ao serviço oferecido pelo Nubank estão apresentando alta no Downdetector, plataforma que monitora o funcionamento de sites e aplicativos. Os registros de falha tiveram início às 09h51 (horário de Brasília), atingindo um número de 64 notificações minutos depois, às 10h36.

Um cliente do banco comentou a seguinte frase: “Já houve saldo que não aparecia, conta que não conseguia pagar pelo código de barra (resolvido pelo QRCode) e agora o PIX que me enviaram não aparece somado ao saldo (histórico não carrega). Está na hora de começar a procurar outro banco”.

blank

No Google Trends, serviço do Google que identifica buscas realizadas pelos usuários, os termos relacionados ao Nubank também estão crescendo. A frase “Nubank” fora do ar apresenta aumento repentino na última hora.

O Twitter está sendo utilizado por vários clientes do banco digital para relatar uma certa demora no serviço Pix e, também, para confirmar que o aplicativo está com problemas.

https://www.techtudo.com.br/noticias/2022/05/nubank-fora-do-ar-usuarios-relatam-erro-no-aplicativo-do-banco-digital.ghtml

Agora para aparecer para novos clientes é só usando tráfego pago! Mas, será mesmo?

Técnicas estratégicas devem ser utilizadas para o tráfego orgânico (Crédito: Divulgação)

Técnicas estratégicas devem ser utilizadas para o tráfego orgânico (Crédito: Divulgação)

Não se engane pelas ondas de sucesso que surgem pela internet. Comenta-se tanto da importância da gestão de tráfego hoje em dia que o orgânico está sendo deixado de lado. Aos caros leitores e leitoras, o conteúdo orgânico é aquele que você não precisa pagar para aparecer em plataformas como Google e Meta (antigo Facebook). Para ilustrar, seria quando alguém pesquisa por uma palavra-chave no Google e o seu negócio aparece em primeiro lugar.

De fato, o tráfego pago é uma excelente iniciativa que qualquer tipo de negócio pode considerar. Com a diminuição do alcance de conteúdo, acaba sendo uma válvula de escape que pode trazer inúmeros resultados positivos.

Entretanto, é complicado deixar o tráfego orgânico de lado. Posicionar o seu site ou conteúdo em primeiras posições requer um bocado de técnicas como SEO (Search Engine Optimization), formas de gravar e publicar. E, leva tempo. Existem duas óticas que podemos examinar este caso:

  • Você pode investir apenas em tráfego pago (Resultado já e sempre investindo em anúncios)
  • Você pode investir em tráfego pago e tráfego orgânico (Resultado já e resultados futuros sem fazer anúncios)

É uma questão de estratégia. O tráfego pago é ótimo. Mas quando é junto com SEO no orgânico, torna-se melhor ainda.

Estratégias de tráfego pago e orgânico

Para as mídias pagas não tem segredo. De forma bem resumida, você desenvolve anúncios e começa a publicação. Para o orgânico, técnicas devem ser utilizadas. Escolhas de palavras-chave, otimização de website, link building e a lista só cresce. Geralmente, a gestão de tráfego é feita por profissionais qualificados que vão auxiliar e mostrar todo o caminho necessário para ter os melhores resultados. O mesmo é aplicado para montar a estratégia para estar nas primeiras posições do Google ou elevar outros conteúdos no topo.

Está pronto para começar?

Fazer tudo isso sozinho é possível, mas vai levar mais tempo. Muitas empresas oferecem esse serviço de marketing digital em Sorocaba. Quando iniciar com as primeiras conversas, sempre tenha em mente também a importância do tráfego orgânico. Pergunte, peça para explicar. O pensamento no longo prazo faz a diferença, especialmente no mundo BANI de hoje.

O planejamento é importante. Estruturar a casa é o primeiro passo, e quando uma empresa que oferece serviços digitais tem essa parceria com seus clientes, o céu é o limite.

https://www.jornalcruzeiro.com.br/suplementos/tecnologia/2022/04/692087-a-importancia-do-trafego-organico-na-era-da-midia-paga.html

blankQuem Somos

Agência de marketing digital localizada na zona sul de São Paulo com mais de 11 anos de experiência em soluções digitais para pequenas empresas.

Somos uma agência de performance, nossas ações são guiadas por dados e com foco em um objetivo.

A nossa missão é empoderar você e facilitar sua tomada de decisões para que você possa ir tão longe quanto a sua imaginação e ousadia permitirem.

Além dos Serviços de Marketing Digital, nós desenvolvemos Ferramentas e Produtos para o mercado.

 

Sobre Nós

Top

latest android games

|

popular android games