fbpx
blank

Responsabilidade social é critério para consumidor moderno

Tempo Estimado de Leitura: 2 minutos

A responsabilidade social está cada vez mais presente no dia-a-dia do consumidor moderno que por sinal está cada vez mais imediatistas, hiperconectados e exigentes, antes de finalizar compras – tanto em lojas físicas quanto no e-commerce e passou a observar muito mais do que rótulos e preço dos produtos expostos.

Bem informados, cada vez mais, eles priorizam pela reputação das empresas, optando por marcas que demonstram comportamentos diferenciados e respeitos perante às diferentes causas. São as chamadas empresas socialmente responsáveis.

Gerando inspiração para estudos em diversas áreas do conhecimento, tais como administraçãomarketing, direito, psicologia, de acordo com especialistas, além dos quesitos:

– Qualidade;
– Atendimento;
–  Preço;
–  Propaganda ética.

A responsabilidade social tem sido uma das característica mais importante no momento de decisão de compra e, claro, para o encantamento de novos clientes.

“A cada dia, o conceito de responsabilidade social ganha mais relevância entre as empresas que passaram a observar mudanças comportamentais de seus clientes. Além das vantagens adquiridas com o público, as marcas podem adquirir benefícios com as leis fiscais”, disse a gerente de projetos do Instituto BH Futuro, Maíra Matos.

De acordo com a pesquisa Trust Barometer de 2020, da Edelman, consultoria americana de marketing, divulgada pelo site Consumidor Moderno, a confiança na marca é importante ou essencial para 90% dos entrevistados brasileiros. Com a pandemia, esse critério de confiabilidade na empresa cresceu 55 pontos em relevância.

Ainda de acordo com o estudo, a confiança na marca é a soma da capacidade, da integridade, da credibilidade, do propósito e da sua conexão com os valores dos consumidores.

Ao encontro desses resultados, Maíra pontua que as ações não devem ficar apenas na teoria. Segundo ela, é preciso colocar as causas defendidas em prática, com soluções não apenas para os clientes, mas para a sociedade como um todo.

“Há algum tempo, muitas marcas pregavam essa ideia de forma indevida, agindo de forma contrária na prática. Hoje, com a potência e influência da internet, o departamento de marketing passou a ser ainda mais cuidadoso, evitando, principalmente, o temido ‘cancelamento’ nas redes sociais”, pontuo a gestora do IBHF.

Entre os benefícios de ser uma empresa socialmente responsável, Maíra, exemplifica que na pandemia, empresas que já se preocupavam com essa temática tiveram algumas vantagens perante os consumidores, fazendo com que elas pudessem enfrentar a crise com mais facilidade e com possibilidades de recuperação econômica mais rápida no pós-pandemia.

“O público está cada vez mais consciente e atento à reputação e histórico das marcas. Isso fez diferença na crise. Para aqueles empresários que ainda não estão acostumados com o tema e não possuem engajamento em defesa de causas, é valido lembrar que nunca é tarde para começarem a colocar em prática o lado social”, reforçou a gerente.

Ainda de acordo com ela, ao respeitar, investir e divulgar essa preocupação, a empresa adquire competitividade, maximização das oportunidades e vantagens com fornecedores, acionistas e importantes negociações.

“Outro detalhe, é que além de aproximar os clientes, empresas podem ser beneficiadas pelas Leis de Incentivo Fiscal. Ao fazerem isso, é possível investir o que seria destinado ao recolhimento dos impostos em novas estratégias para o crescimento da empresa com um planejamento alinhado aos objetivos da marca, criando oportunidades de aumentar a visibilidade e a comunicação das empresas com os seus consumidores”, finalizou Maíra Matos.

Ver
blank

Pronampe permanente garante recursos para Micro e Pequenas Empresas

Tempo Estimado de Leitura: 2 minutos

Instituída pela Lei nº 13.999/2020 no início da pandemia do coronavírus, o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe) é uma linha de crédito especial para auxiliar, empregadores e empresários evitando demissão nesse período.

Entretanto, nesta quarta-feira (02 de junho), o Governo Federal sancionou a lei que torna permanente o aporte ao Pronampe, confirmando a ideia inicial do programa de continuidade mesmo após o período da pandemia.

O programa foi liberado em maio do ano passado (2020) e encerrado em dezembro do mesmo ano disponibilizou cerca de R$ 37 milhões e atendeu por volta de 500 mil de micro e pequenos empreendedores.

Em contrapartida, as empresas aceitaram o compromisso de manter o número de funcionários.

Além de manter o número de funcionários, as empresas puderam usar os recursos para investir em despesas operacionais, atividades empresariais, capital de giro.

Pronampe 2021

O governo disponibilizou crédito de R$ 5 bilhões, mas o valor pode chegar em 25 bilhões alavancado pelos bancos que irão realizar a operação de financiamentos.

As principais instituições financeiras que fazem parte do Pronampe são:

  • Banco do Brasil (BB);
  • Caixa Econômica Federal (CEF);
  • Banco da Amazônia;
  • Cooperativas (diversas);
  • Banco do Nordeste do Brasil;]
  • Agências de fomentos estaduais e bancos estaduais;
  • Fintechs (plataformas tecnológicas de serviços financeiros); entre outras.

Além das opções citadas acima, o Pronampe 2021 conta com uma série de bancos conveniados com opções em todo o Brasil. Para solicitar o empréstimo, o micro e pequeno empresário precisa conferir se o seu banco está na lista e se irão operar com a linha de crédito, feito isso é só procurar o gerente responsável.

“O micro e o pequeno empresário no Brasil representam 98% de todas as empresas e nunca tiveram uma linha de crédito com essa abrangência, [com] fundo garantidor, carência, juro decente e possibilidade de melhorar o seu negócio”, afirmou o senador Jorginho Mello, autor do projeto.

De acordo com o publicado no site Pronatec, as condições do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte vão ser parecidas com as regras de 2020, mas com valores diferentes.

O principal destaque é sobre o retorno dos créditos.

As taxas de juros do Pronampe 2021 vão ser:

👉 Taxa Selic mais 6% ao ano.

A taxa Selic 2021 hoje é de 2,75% ao ano. O projeto oficial prevê uma taxa de juros fixada, ou seja, sem variação. Os valores que poderão ser disponibilizados para cada um dos empresários também serão limitados.

Relação de documentos

Outro ponto importante é que a linha de crédito Pronampe 2021 será limitada a 30% do que a empresa faturou no ano anterior.

Ver
blank

WhatsApp anuncia novos recursos de interação entre empresas e clientes

Tempo Estimado de Leitura: 3 minutos

O WhatsApp divulgou em seu blog que durante a pandemia, mais de 175 milhões de pessoas interagiram com as contas do WhatsApp Business por dia. Por outro lado, com o crescimento de vendas pela internet, as empresas precisam cada vez mais de agilidade e eficiência para atender e concretizar as vendas.

Outro dado relevante da pesquisa mostra que o consumidor prefere conversar direto com as empresas e quando a opção de enviar mensagem está disponível, a probabilidade do negócio ser concluído aumenta.

“Como cada vez mais pessoas estão usando o WhatsApp para conversar com empresas, anunciamos hoje na conferência F8 Refresh a atualização da API do WhatsApp Business para agilizar o processo de registro de empresas e para facilitar as conversas entre clientes e essas empresas”, postou o WhatsApp.

Entre as novidades, no WhatsApp Business

  • Mais informações rápidas aos clientes
  • Mensagens automáticas sobre algum pedido
  • Possibilidade do cliente responder por múltipla escolha (Sem a necessidade de digitar)
blank

Foto: Site Oficial WhatsApp

Mais novidade – Configuração mais rápida da API do WhatsApp

Agora as empresas não precisam mais de semanas para configurar e começar a usar nosso serviço. Tudo pode ser feito em apenas cinco minutos.

Se, no futuro, uma empresa quiser trabalhar com um provedor de soluções de negócios ou receber suporte diretamente do Facebook, essas melhorias facilitarão ainda mais a comunicação entre clientes e empresas de médio e grande porte no WhatsApp.

Recebimento de informações adicionais

À medida que mais empresas passam a usar o WhatsApp, estamos melhorando a maneira como elas podem se comunicar com seus clientes. Por exemplo, muitas vezes as empresas só podiam enviar notificações dentro da janela de atendimento de 24 horas, o que dificultava a comunicação com os clientes fora desse período.

Agora vamos oferecer mais tipos de mensagens que as empresas podem enviar, como para informar aos clientes quando um produto está disponível novamente.

Além disso, vimos como as atualizações periódicas enviadas pelas autoridades sanitárias sobre o enfrentamento da pandemia têm sido úteis e queremos disponibilizar esse serviço para mais tipos de conversas.

Novas maneiras de responder à empresas

Estamos lançando também novos recursos de mensagens que podem ajudar as pessoas a fazer negócios mais rapidamente. Disponibilizamos para as empresas uma nova lista de mensagens que oferece um menu com até 10 opções para que os clientes não precisem mais digitar uma resposta.

Ao usar o botão de resposta, os clientes poderão selecionar uma das três opções predefinidas pela empresa em sua conta da API do WhatsApp Business.

Como sempre, as pessoas têm total controle sobre suas conversas. Para conversar com uma empresa, é necessário que os clientes iniciem a conversa ou solicitem que a empresa entre em contato com eles por meio do WhatsApp.

Além disso, disponibilizamos novas maneiras para que clientes forneçam mais detalhes sobre suas experiências com uma empresa caso desejem bloqueá-la.

Aplicativo WhatsApp Business

Desenvolvido para atender às pequenas empresas, o WhatsApp Business é um aplicativo gratuito utilizado para comunicação mais fácil com os clientes. Como, por exemplo responder em tempo real possíveis dúvidas durante as compras.

Além da interação com os clientes, o aplicativo possibilita a criação de catálogo de produtos, ferramentas para automatização e organização.

O WhatsApp também pode ajudar empresas de médio e grande porte a oferecer atendimento e enviar notificações importantes aos clientes.

Acesse e saiba mais sobre a API do WhatsApp Business.

Ver
Casal comemorando dia dos namorados; pesquisa sobre expectativa de vendas no dia dos namorados

Pesquisa sobre a Expectativa de Vendas no Dia dos Namorados 2021

Tempo Estimado de Leitura: 3 minutos
A Shopee Brasil realizou uma pesquisa e o resultado aponta que o Dia dos Namorados superou o Dia das Mães em intenção de investimento. Foram entrevistadas mais de 2.300 pessoas, com idade de 19 a 55 anos, de todo o Brasil.

De acordo com a pesquisa publicada no site E-commerce Brasil, o ticket médio de investimento por presente no Dia dos Namorados é de R$ 240,00, enquanto que o Dia das Mães ficou em R$ 210,00.

A pesquisa ainda revela que 62% dos entrevistados realizam compra online há mais de 1 ano, 14% entre seis meses e um ano e 23% estão há menos de seis meses comprando pela internet.

Com o crescimento do e-commerce, o diferencial pode ser determinante para que as vendas não fiquem paradas nos carrinhos.

Para o Dia dos Namorados, a pesquisa aponta que 61% das pessoas consideram o preço acessível como o elemento mais importante na hora de escolher um presente.

Outro dado relevante é que 74% dos entrevistados seguem indecisos!

Diante do atual cenário, para aumentar as vendas no período, os empresários prometem realizar promoções (30,2%) e investir em ações de divulgação/propaganda (25,9%).

Pense nisso!

blank

Ações por período by Fecomércio MG

Algumas dicas para te ajudar a se programar

1 – Surpreenda: ofereça descontos surpresas

Use a criatividade para fidelizar seu cliente e atrair novos. Dê frete grátis ou cupom de desconto para futuras compras.

2 – Mimos e brindes

Imagine a felicidade das pessoas ao saberem que ao comprar com você, elas ganham presentes também. Afinal de contas, quem não gosta de ganhar um mimo?

Isso também vale mesmo se for na linha do “comprando dois, o segundo sai com 50% de desconto”!

3 – Facilidade de pagamento

Para começar, esqueça dos juros!

Outra informação importante é que quanto mais alternativas de pagamento seu cliente encontrar, mais chances você tem de concluir o negócio. Então ofereça opções como parcelamento, pagamento em dois cartões, desconto no boleto ou transferência bancária etc.

Enfim, Você conhece seu cliente, certo? Então agora é a hora de atrair mais e aumentar seu lucro!

Entretanto tenha em vista o seguinte:

  • Ofereça o melhor: invista na qualidade de seu produto, um cliente satisfeito gera marketing espontâneo;
  • Entregas rápidas costumam conquistar os clientes: em uma pesquisa realizada pela Mastercard e Americas Market Intelligence (AMI) apontou que 46% dos brasileiros aumentaram o volume de compras online durante a pandemia. Outros 7% compraram online pela primeira vez.
  • Atendimento personalizado: tenha empatia com seu cliente pois ele é seu maior ativo! Personalizar o atendimento é aproximar ele do seu negócio. Da chegada a sua empresa até a entrega do produto, trate-o como prioridade.

Expectativa

De acordo com o presidente do Sindivarejista, Edson de Castro, os últimos seis meses do ano costumam ser mais lucrativos, assim como o Dia dos Namorados.

“Para o Dia dos Namorados, a tendência de crescimento é muito forte”, disse Edson.

O Mercado

Após um ano de instabilidade com o comércio de portas fechadas, muitos empresários investiram nas vendas online, assim como as empresas especializadas em e-commerce se modernizaram para atender o consumidor que está cada vez mais aderindo a esse sistema de compras, principalmente pela facilidade, praticidade e segurança na aquisição.

A Fecomercio publicou em seu site oficial, que o Governo de São Paulo anunciou que a partir do dia 1º de junho, os estabelecimentos localizados no Estado poderão atender presencialmente até as 22h e a taxa de ocupação dos espaços será ampliada em 60%. Essa informação anima o setor.

Mas, a Federação quer mais e anunciou que algumas medidas são necessárias

Já é certo que a retomada da economia em larga escala só se dará diante de ampla vacinação da população brasileira, dentro do Plano Nacional de Imunização (PNI), mas a FecomercioSP em reuniões com o governo paulista sinaliza que algumas ações são necessárias:

  • Revogação do aumento do ICMS
  • Amplo programa de parcelamento
  • Adiamento da cobrança de tributos por alguns meses

Para o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), a FecomercioSP conduziu os seguintes pedidos:

  • Continuidade dos aportes de crédito aos setores mais fragilizados pela pandemia;
  • Disponibilização de recursos por meio de instituições credenciadas e com grande capilaridade, como o Desenvolve SP, de forma a acelerar o repasse a quem mais precisa nos Estados;
  • Que estes recursos sejam liberados com taxas, carências e parcelamentos compatíveis com a atual situação financeira dos negócios.

A partir dessas medidas emergenciais, a Federação sinaliza os primeiros passos rumo à recuperação econômica diante da crise.

(mais…)

Ver

blankQuem Somos

Agência de marketing digital localizada na zona sul de São Paulo com mais de 11 anos de experiência em soluções digitais para pequenas empresas.

Somos uma agência de performance, nossas ações são guiadas por dados e com foco em um objetivo.

A nossa missão é empoderar você e facilitar sua tomada de decisões para que você possa ir tão longe quanto a sua imaginação e ousadia permitirem.

Além dos Serviços de Marketing Digital, nós desenvolvemos Ferramentas e Produtos para o mercado.

 

Sobre Nós

Top

latest android games

|

popular android games